Skip to content

Organismos terrestres podem sobreviver temporariamente em Marte

Organismos terrestres podem sobreviver temporariamente em Marte
Alguns micróbios encontrados na Terra podem sobreviver temporariamente na superfície de Marte, de acordo com um estudo que pode ser vital para o sucesso

Alguns micróbios encontrados na Terra podem sobreviver temporariamente na superfície de Marte, de acordo com um estudo que pode ser vital para o sucesso de futuras missões ao Planeta Vermelho.

Pesquisadores da NASA e do Centro Aeroespacial Alemão testaram a resistência dos microrganismos às condições marcianas lançando-os na estratosfera, a segunda grande camada da atmosfera terrestre que representa de perto as condições-chave em Marte.

O estudo, publicado na revista Frontiers in Microbiology, abre caminho para entender não apenas a ameaça dos micróbios às missões espaciais, mas também as oportunidades de independência dos recursos da Terra.

“Testamos com sucesso uma nova maneira de expor bactérias e fungos a condições semelhantes a Marte usando um balão científico para levar nossos equipamentos experimentais até a estratosfera da Terra”, disse Marta Filipa Cortesao, primeira autora conjunta do estudo do Centro Aeroespacial Alemão.

Os pesquisadores lançaram essas pequenas formas de vida na estratosfera da Terra, que imita características-chave do ambiente marciano, e descobriram que alguns microrganismos, em particular esporos de molde preto, sobreviveram à viagem. Esta nova maneira de testar a resistência às viagens espaciais será inestimável para entender as ameaças e oportunidades de micróbios em futuras missões a Marte.

Como foi o estudo?

Em 2019, a agência espacial americana conduziu o ‘Experimento de Micróbios na Atmosfera para Radiação, Sobrevivência e Resultados Biológicos’ (MARSBOx) na estratosfera da Terra. As condições na segunda camada da nossa atmosfera (que está acima da camada de ozônio) são muito semelhantes às de Marte. Portanto, é um ambiente adequado para testar se um organismo pode sobreviver na superfície marciana. E o que aconteceu? Vários organismos bacterianos e fúngicos foram capazes de sobreviver por um curto período de tempo e depois até mesmo tornarem-se “saudáveis” novamente. Os cientistas publicaram essa descoberta em um artigo.

Organismos terrestres podem sobreviver temporariamente em Marte
Micróbios na Terra podem viver temporariamente na superfície marciana, mostra nova pesquisa

Organismos terrestres podem sobreviver temporariamente em Marte
Organismos terrestres podem sobreviver temporariamente em Marte

De acordo com Marta Filipa Cortesao, primeira autora conjunta deste estudo do Centro Aeroespacial Alemão de Colônia, com sede na Alemanha, eles “testaram com sucesso uma nova maneira de expor micróbios e fungos” a condições semelhantes ao planeta marciano com o uso de um balão científico para levar para seus equipamentos de investigação até a estratosfera da Terra.

Ela também disse que algumas bactérias, em esporos específicos do fungo do molde negro “foram capazes de sobreviver à viagem”, mesmo quando foram expostas a radiação ultravioleta ou UV muito alta.

Essa pesquisa é muito importante para nos ajudar a explorar todas as implicações das viagens espaciais na vida microbiana e como podemos direcionar esse conhecimento para descobertas espaciais incríveis.

Compartilhe


Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Publicado por:
Apaixonado por ciência e tecnologia além de programação é claro! Fundador do site Science Tech News.

Regdanvimab promissora terapia de anticorpos para tratamento de pacientes com coronavírus

Cientistas descobrem uma nova classe de células de memória no cérebro

Uma rede artificial mantida na ‘Borda do Caos’ age como um cérebro humano

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?