Skip to content

A grande conjunção de Júpiter e Saturno é hoje 21 de dezembro

A grande conjunção de Júpiter e Saturno é hoje 21 de dezembro
A grande conjunção de Júpiter e Saturno será hoje 21 de dezembro de 2020. Poderá parecer uma estrela alongada ou um planeta duplo. Essa

A grande conjunção de Júpiter e Saturno será hoje 21 de dezembro de 2020. Poderá parecer uma estrela alongada ou um planeta duplo. Essa mínima separação angular entre Júpiter e Saturno ocorrerá às 15 horas e 20 minutos (horário de Brasília),com apenas 0º 06’ 06”.

Astrônomos usam a palavra conjunção para descrever reuniões de planetas e outros objetos na cúpula do nosso céu. O termo grande conjunção para descrever essa conjunção de Júpiter e Saturno é porque são os dois maiores planetas do nosso sistema solar.

Embora os dois planetas apareçam espetacularmente próximos no céu, Júpiter e Saturno estão, na verdade, separados por 456 milhões de milhas (734.000 milhões de km).

Essa rara aproximação entre Júpiter e Saturno será visível a olho nu, com binóculo ou telescópio, os dois planetas estarão muito próximos entre si e a menor aproximação entre eles em quase 397 anos, a próxima vez que isso irá acontecer será em 2040.

Conjunções Júpiter-Saturno acontecem a cada 20 anos; o último foi no ano 2000, porem nem sempre são iguais. A grande conjunção de Júpiter e Saturno em 2020 será a mais próxima desde 1623 e a mais próxima desde 1226!

Devemos ter uma conjunção mais observável do que a que ocorreu no ano 2000, há 20 anos, Júpiter e Saturno estavam perto do sol e era difícil de observar.

Science Tech News

Júpiter é mais brilhante que qualquer estrela. Saturno não é tão brilhante quanto Júpiter, mas é tão brilhante quanto as estrelas mais brilhantes e têm  uma cor distintamente dourada. Saturno fica a leste de Júpiter. Os dois são perceptíveis por seu brilho e proximidade um com o outro.
Quanto você olhar para eles, irá notar que ao contrário das estrelas cintilantes Júpiter e Saturno brilham constantemente.

Saturno é o sexto planeta do nosso sistema solar e é o planeta mais distante e lento que podemos facilmente ver, a olho nu. Júpiter é o quinto planeta do sistema solar, é o segundo planeta mais brilhante e lento, depois de Saturno. É por suas câmeras lentas diante das constelações do zodíaco que Júpiter e Saturno têm a menor frequência de conjunções de planetas brilhantes.

Saturno leva quase 30 anos para dar a volta no Sol, enquanto Júpiter leva quase 12 anos. Assim, a cada 20 anos, Júpiter alcança Saturno e podemos ver esse alinhamento.

Compartilhe


Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Publicado por:
Apaixonado por ciência e tecnologia além de programação é claro! Fundador do site Science Tech News.

Novo estudo sugere teoria alternativa sobre a composição do Universo

Cientistas descobrem evidências do impacto de um asteroide na Antártida há 430.000 anos

Asteroide do tamanho de um estádio fará aproximação com a Terra, alerta NASA

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?