Skip to content

NASA: coleções de rochas espaciais virtualmente disponíveis

NASA: coleções de rochas espaciais virtualmente disponíveis
Conheça o explorador 3D de astromateriais da NASA, que disponibiliza para visualização online uma biblioteca que inclui amostras de meteoritos lunares e do

Conheça o explorador 3D de astromateriais da NASA, que disponibiliza para visualização online uma biblioteca que inclui amostras de meteoritos lunares e do Polo Antártico, agora são oferecidas online, por meio de uma nova ferramenta de exploração virtual para pesquisadores científicos e o público.

Você pode ver as rochas espaciais online no site Astromaterials 3D Explorer que oferece uma ferramenta de pesquisa sem precedentes para envolver o público em uma nova maneira de explorar o significado das coleções de rochas espaciais da NASA.

Rochas coletadas cerca de 50 anos atrás nas missões Apollo são compartilhas em um momento particularmente oportuno, já que a NASA está se preparando para enviar um novo grupo de astronautas à Lua, com o programa de exploração lunar Artemis.

Artemis é o novo programa de exploração lunar da NASA, que inclui enviar a primeira mulher e o próximo homem à lua. Por meio do programa Artemis, a NASA usará novas tecnologias para estudar a Lua de maneiras novas e melhores e se preparar para missões humanas a Marte.

Astromaterials 3D foi criado com três tecnologias primárias:

  • Fotografia de precisão de alta resolução (HRPP),
  • Tomografia computadorizada de micro raios X (XCT)
  • Fotogrametria de estrutura por movimento (SFM).

A equipe projetou e construiu um hardware personalizado e desenvolveu novos métodos para obter reconstrução de amostras para pesquisa em 3D interna e externamente que pode ser visualizada em um sistema de coordenadas único.

Science Tech News
NASA: coleções de rochas espaciais virtualmente disponíveis

HRPP
Fotografia de precisão e alta resolução
Os materiais estão em uma instalação de sala multi-limpa e mantidos em armários de nitrogênio durante o processo fotográfico, conforme exigido pelos protocolos de curadoria.

Por causa disso, o método HRPP para capturar o exterior da rocha foi desenvolvido como um processo de imagem manual que captura de 240 a 480 ângulos para cada rocha usando um sistema de câmera de 60 ou 100 megapixels. A técnica fornece imagens que alcançam resolução tão fina quanto 30 a 60 mícrons, dependendo do tamanho da amostra e do sistema de câmera implementado. Este método fornece detalhes excepcionais e fidelidade confiável da rocha destinada a atender às demandas de qualidade tanto dos usuários atuais quanto futuros.

Science Tech News

Science Tech News

Science Tech News

SFM
Fotogrametria estrutura-a-movimento
O projeto usa o software SFM para produzir reconstruções 3D das imagens HRPP usando princípios fotogramamétricos. O método utiliza algoritmos e técnicas de processamento de imagem originárias da visão computacional para resolver modelos 3D, com isso gera uma visualização precisa e detalhada de cada amostra. O software fornece um processo stepwise que é então adaptado para cada modelo com base nas propriedades de reflexão espacial e especulação únicas de cada rocha.

XCT
Tomografia computadorizada de micro raios-X
Cada uma das rochas do projeto Astromaterials 3D foi escaneada pela XCT no Centro Espacial De Alta Resolução da Universidade do Texas ou no Laboratório de Ciência de Pesquisa e Exploração da NASA Johnson Space Center. Os dados de imagem XCT fornecem um conjunto completo de dados de volume 1:1 da rocha, onde a variação de brilho das características texturais está relacionada à sua densidade e composição.

Fusão de dados
Astromaterials 3D Explorer
O processo de registro do sistema de coordenadas e combinação do modelo SFM com os dados XCT, com o objetivo de alcançar o modelo 3D “fundido” de ambos os conjuntos de dados passou por várias etapas de desenvolvimento antes do método final ser alcançado. O Astromaterials 3D Explorer é um aplicativo de software personalizado baseado em navegador que ingere os dados de imagem exterior (HRPP) e interior (XCT) e os “funde” digitalmente em um único objeto.

Astromateriais 3D tem cerca de 60 amostras no total que fazem parte deste projeto até agora. O lançamento público da fase 2 incluirá 10 rochas adicionais ainda em 2021. O lançamento público da fase 3 incluirá as rochas restantes antes do final do ano. A esperança é continuar adicionando amostras das coleções existentes em andamento. Amostras de futuras missões também podem ser adicionadas ao projeto eventualmente, dependendo de muitos fatores. Fique ligado!

Quer ver rochas lunares online? Acesse e conheça mais em: https://ares.jsc.nasa.gov/astromaterials3d/index.htm

Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Publicado por:
Apaixonado por ciência e tecnologia além de programação é claro! Fundador do site Science Tech News.

Planetas com a massa da Terra estão à deriva na Via Láctea

Regdanvimab promissora terapia de anticorpos para tratamento de pacientes com coronavírus

Cientistas descobrem uma nova classe de células de memória no cérebro

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?