Skip to content

Como agregar valor a sua empresa com princípios éticos e de sustentabilidade?

Como agregar valor a sua empresa com princípios éticos e de sustentabilidade?
É comum vermos  manchetes em jornais, revistas, TV e outras mídias comentando escândalos envolvendo empresas e grandes organizações. Também é familiar ver empresa

É comum vermos  manchetes em jornais, revistas, TV e outras mídias comentando escândalos envolvendo empresas e grandes organizações. Também é familiar ver empresa serem confrontadas com temas sobre princípios éticos, de sustentabilidade, diversidade, segurança e muitos outros.

Muitas empresas não tem politicas para gerir ou evitar problemas como estes ou simplesmente não sabem como agregar valor a sua empresa com princípios éticos e de sustentabilidade, basicamente porque ainda não foram envolvidas em problemas.

Há uma gama muito grande de temas sociais e ambientais que podem influenciar em seu negócio: corrupção, saúde, mudanças climáticas, emissões, resíduos, pobreza, inclusão, diversidade, segurança e até mesmo ações de empresas parceiras podem criar uma crise em uma organização.

É importante que a empresa tenha um padrão de gestão de ética e responsabilidade socio ambiental e também um código de conduta ética empresarial, mas infelizmente existem muitas empresas gigantes (inclusive) que só percebem essa necessidade depois de uma crise ou escândalo.

Com o avanço das tecnologias e informações se tornou muito fácil do dia para noite ter seu negócio desvalorizado por algo que poderia ser evitado, para isso é necessário priorizar ações que consistem em evitar problemas para as empresas.

Alguns exemplos recentes de grandes empresas que estiveram problemas vinculados nas mídias:

  1. Zara acusada de trabalho escravo
  2. Braskem é multada por irregularidades ambientais
  3. Vale pagará R$ 250 milhões em multa ambiental
  4. Nike com trabalho infantil na sua cadeia
  5. Apple conivente com trabalho infantil e outras práticas como enganar clientes.
  6. Corrupção em gigantes brasileiros como Odebrecht e Petrobras
  7. MPF pede indenização de R$ 43 milhões ao Frigorífico Amazonas

Obviamente existem casos de ilegalidades e práticas cometidas por empresa que jamais poderiam ser evitadas, casos onde as organizações são criadas com o intuito de andar a mercê da ilegalidade e isto faz parte da ideologia da empresa.

Mas de fato a maioria das empresas entra em crises “citadas acima” sem ter a mínima ciência do problema interno ou de seu envolvimento, muitos deses casos poderiam ser evitados com uma gestão de ética e responsabilidade.

Priorização de temas

Sua empresa pode começar, por exemplo, com uma lista dos temas relevantes em sustentabilidade e adotar medidas para solucionar eventuais problemas ou de prevenção.

Uma ferramenta que ajudar empresas a identificar e evitar problemas importantes para o seu negócio e a Matriz de Materialidade, desenvolvida pela AccountAbility.

AccountAbility é uma empresa global de consultoria e padrões que trabalha com empresas, investidores, governos e organizações multilaterais em questões ESG para obter oportunidades, promover práticas de negócios responsáveis ​​e transformar seu desempenho de longo prazo.

A empresa tem uma série de padrões AA1000, que fornece estruturas simples, práticas e fáceis de usar para desenvolver, analisar e implementar iniciativas de sustentabilidade, para planejar e conduzir práticas inclusivas de engajamento de partes interessadas e para garantir credibilidade nos relatórios de desempenho de sustentabilidade.

Veja algumas das vantagens:

  1. Identificar temas através do engajamento com stakeholders internos e externos, benchmarking de sustentabilidade, e análise de mídia.
  2. Avaliar e analisar como cada tema ajuda a reduzir custos e aumentar a participação da empresa no mercado.
  3. Avaliar a percepção de stakeholders.
  4. Gerenciar riscos – A falta de água, por exemplo, coloca em risco setores como o da mineração, agricultura, alimentício, bebidas e tantos outros.
  5. Aproveitar oportunidade através da identificação de temas relevantes como serviços e modelos de negócios que possam aumentar o poder de precificação, margens e outros.

São três os padrões:

  1. AA1000 Assurance Standard
  2. Princípios de AccountAbility AA1000
  3. Padrão de Engajamento de Partes Interessadas AA1000

Todos os três padrões AccountAbility AA1000 estão disponíveis para download na página da empresa.

Outra ferramenta que ajudará sua empresa é a GRI

Possui uma comunidade que oferece aos membros um ambiente colaborativo para aprender com  colegas e especialistas, enquanto permanecer na vanguarda da sustentabilidade relatórios.

A GRI também tem padrões disponíveis que criam uma linguagem comum para as organizações (grandes ou pequenas, privadas ou públicas) relatarem seus impactos na sustentabilidade de forma consistente e confiável. Isso melhora a comparabilidade global e permite que as organizações sejam transparentes e responsáveis.

Os Padrões ajudam as organizações a compreender e divulgar seus impactos de uma forma que atenda às necessidades de várias partes interessadas. Além das empresas de relatórios, os Padrões são altamente relevantes para muitos outros grupos, incluindo investidores, formuladores de políticas, mercados de capitais e sociedade civil.

Com a AccountAbility agora a também têm Padrões disponíveis em português.

A GRI diz que a tradução para o português permite que a GRI amplie ainda mais seu alcance com organizações e partes interessadas em países de língua portuguesa. A GRI possui atualmente mais de 6.000 usuários cadastrados no Brasil e em Portugal.

Conheça mais no site da GRI globalreporting.org

Compartilhe


Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Leões bocejam quando estão relaxados e se comunicar socialmente

Usuários do LinkedIn são alvo de campanha projetada para instalar Malware em seus dispositivos

EUA aprova teste para gerar energia de ondas do mar conectada à rede elétrica em larga escala

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?