Skip to content

Novo estudo sugere que alienígenas existiram e morreram por causa do avanço tecnológico

Novo estudo sugere que alienígenas existiram e morreram por causa do avanço tecnológico
Um novo estudo/teoria sugere que os humanos e a vida na Terra não são os primeiros seres no universo com vida inteligente, alienígenas existiram,

Um novo estudo/teoria sugere que os humanos e a vida na Terra não são os primeiros seres no universo com vida inteligente, alienígenas existiram, e como nós humanos evoluíram em inteligência, tecnologias e com trajetória semelhante à nossa, porem acabaram de alguma forma levando a própria civilização a extinção.

De acordo com este novo estudo, esses alienígenas desenvolveram sua tecnologia a um ponto além do que eles eram capazes de controlar e isso resultou na morte de sua espécie como um todo. O estudo parece implicar que os seres humanos podem estar em uma trajetória semelhante à medida que a tecnologia continua a alcançar novos níveis de inovação e desenvolvimento, aparentemente sem fim à vista.

A informação vem de pesquisadores do Jet Propulsion Laboratory da NASA e do California Institute of Technology. Esses grandes cérebros concluíram que as tendências históricas parecem indicar que os avanços tecnológicos de uma civilização “levarão inevitavelmente à destruição completa e à degeneração biológica.” Isso continua a apontar que qualquer vida inteligente anteriormente reivindicando qualquer propriedade na Via Láctea já o fez se aniquilou, usando sua própria tecnologia. “Se a vida inteligente tem probabilidade de se autodestruir, não é surpreendente que haja pouca ou nenhuma vida inteligente em outros lugares”, disseram os pesquisadores em um artigo publicado online.

“Descobrimos que o potencial de auto aniquilação é altamente influente na quantidade de vida inteligente galáctica, sugerindo outra resposta possível ao Paradoxo de Fermi, se é provável que a vida inteligente se destrua, não é de surpreender que haja pouca ou nenhuma vida inteligente em outro lugar”, diz o jornal. ‘Além disso, não se descobriu que a probabilidade de abiogênese influencia a quantidade de vida inteligente dentro da faixa desenvolvida por trabalhos anteriores, o que apoia a perspectiva otimista de que a vida é comum na Galáxia.’

O artigo, em resumo, não afirma saber com certeza se, quando ou onde existia vida inteligente em nossa galáxia. Ele estima que houve uma quantidade abundante desde que a galáxia foi gerada e que haverá mais depois que os humanos deixarem de existir. Também abre a porta para uma probabilidade de existência de vida inteligente fora da terra agora, mas sendo muito jovem em seu desenvolvimento para os humanos encontrarem e estudarem.

Você acredita que existe vida alienígena fora da terra? Você acha que os alienígenas se aniquilaram com tecnologia que foi levada longe demais? Compartilhe suas ideias nas redes sociais!

Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Publicado por:
Apaixonado por ciência e tecnologia além de programação é claro! Fundador do site Science Tech News.

Coreia do Norte diz que não vai para os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2021

Usuários do LinkedIn são alvo de campanha projetada para instalar Malware em seus dispositivos

EUA aprova teste para gerar energia de ondas do mar conectada à rede elétrica em larga escala

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?