Skip to content

Elon Musk doará US$ 100 milhões para recompensar a melhor tecnologia de captura de carbono

Elon Musk doará US$ 100 milhões para recompensar a melhor tecnologia de captura de carbono
Elon Musk disse que doará US$ 100 milhões como recompensa pela melhor tecnologia de captura de carbono, o empresário por trás da Tesla e

Elon Musk disse que doará US$ 100 milhões como recompensa pela melhor tecnologia de captura de carbono, o empresário por trás da Tesla e da SpaceX, doará o prêmio para reconhecer a melhor tecnologia de captura de carbono.

Ele relatou isso através de sua conta no Twitter na quinta-feira, onde indicou que na próxima semana oferecerá mais detalhes de sua contribuição.

“Estou doando US$ 100 milhões para um prêmio pela melhor tecnologia de captura de carbono. Detalhes na próxima semana”, escreveu.

Carbon Capture and Storage (CCS) é uma técnica focada em capturar o CO2 da queima de combustíveis fósseis e depositá-lo sob o mar ou superfície da Terra.

Segundo a Reuters, a capacidade global do CCS cresceu um terço em 2020; no entanto, não é suficiente para cumprir as metas climáticas globais, disse o Instituto CCS Global.

Globalmente, havia 26 instalações operacionais capazes de capturar cerca de 40 milhões de toneladas de dióxido de carbono por ano. Essa coleta está relacionada ao uso de CO2 para uma melhor recuperação do óleo, de acordo com um relatório sobre a implantação da tecnologia.

Assim, em 2020, a capacidade foi aumentada para mais de 110 milhões de toneladas por ano, incluindo projetos em construção e desenvolvimento. Em 2019, o número foi de 85 milhões de toneladas.

“Um dos maiores fatores que impulsionam esse crescimento é o reconhecimento de que alcançar emissões líquidas zero é urgente, embora inatingível sem uma redução das emissões de CO2 em setores intensivos em energia”, disse Brad Page, da Reuters, chefe do grupo de pesquisa internacional com sede em Melbourne.

Em entrevista ao jornalista e empresário alemão Mathias Dopfner, o bilionário garantiu que o principal objetivo de sua empresa é acelerar o crescimento da energia sustentável, paraque ele não “fabricasse ou licencie parte de nossa tecnologia para empresas como a BMW”.

Nesse sentido, ele explicou que, a partir da Tesla, as estações de carregamento para carros elétricos SuperChargerserão disponibilizadas para outras empresas.

“Vamosoferecer licenças de piloto automático… E também estamos dispostos a licenciar para ajudar outras empresas a fazer a coisa certa”,disse ele.

Inscreva-se a nossa newsletter e fique atualizado sobre noticias e novidades!


Publicado por:
Apaixonado por ciência e tecnologia além de programação é claro! Fundador do site Science Tech News.

Mudanças climáticas impactam na produtividade agrícola em 21% desde a década de 1960

Como os insetos que mudam a vida estão remodelando a pesquisa de envelhecimento

Idoso sul-coreano morre após receber vacina da Pfizer

Deixe uma resposta


Nome de usuário ou senha incorretos. Perdeu a senha?

Você precisa fazer o login para publicar um comentário. Não tem conta?